Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

Caixinha de surpresas

No sábado, ao passearmos no Chiado, em Lisboa, eu e o meu namorado descobrimos um encanto de loja, na Rua Anchieta. Na verdade, não foi a descoberta de uma loja, mas sim de uma pessoa. Afinal são as pessoas que dão alma aos sítios. Íamos à loja A Vida Portuguesa, mas acabámos por entrar num estabelecimento com morte anunciada até ao final do ano. Trata-se de uma loja de antiguidades e de peças de arte na qual o nosso olhar se perde em mil pormenores, em mil objectos.
Eu e o Hugo deambulámos pelo espaço, atentos ao que o nosso olhar conseguia abarcar. Perguntámos o preço de um trabalho do pintor Malangatana ao dono da loja, um senhor de óculos, com barba e cabelo a denunciarem estar algures entre os 70 e 80 anos. Foi o princípio de uma longa e entusiasmante conversa. Face ao nosso interesse por arte, o Sr. Fernando Soares começou a mostrar-nos, com gosto, trabalhos da sua autoria, que estavam guardados em gavetas. A maioria dos trabalhos eram colagens surrealistas, mas também pinturas e…

Mensagens mais recentes

António, o lavrador

Uma questão de perfume

Portugal dos pequeninos

Nós tristes

Chovo-me

Do rio que corre cá dentro

Gémea prematura

Primos direitos

Amor-casa

Marie Curie, icebergue de fogo