Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

O homem a quem agradeço no Dia da Mulher

No Dia Internacional da(s) Mulher(es), além de agradecer às feministas - que abriram caminho para que eu hoje tenha os direitos que tenho -, às mulheres extraordinárias que fizeram e fazem parte do meu mundo -  que foram estruturais para a mulher que hoje eu sou - , bem como às mulheres-eucalipto com que me cruzei - que serviram para ver, com clareza, o tipo de mulher que eu não queria ser - , quero também agradecer ao Hugo, o homem que me surpreende com flores quando lhe apetece e não quando uma data o impele a isso. O Hugo não me oferece apenas flores. O Hugo poliniza as nossas vidas. 
Quando nos conhecemos, o Hugo já tinha a casa dele -  que agora é o nosso lar - povoada com flores e plantas. Flores e plantas que trouxe da casa dos pais, quando estas perduraram após a morte do pai e da mãe. Algumas dessas plantas já existiam antes do próprio Hugo existir. E ele não quis deixá-las morrer; nelas persistiam os gestos de cuidado maternal. 
As plantas respiram. Há que lhes dar ar, sol e a…

Mensagens mais recentes

A botânica do amor

Amar é o verbo inicial

Quando um pedido de casamento parece bruxaria

A igualdade não é um assunto só de mulheres

Do não querer ter animais de estimação

Cuidar(mo-nos), precisa-se

Flor de incêndio

Os olhos que somos

Reclamar nas redes sociais é o melhor remédio